domingo, 24 de julho de 2016

Restaurante serve refeições em 'vasos sanitários' para educar clientes, que coisa estranha

Restaurante serve refeições em 'vasos sanitários' para educar clientes
Foto: Reprodução / The Jakarta Post
Um restaurante na Indonésia resolveu educar seus clientes em questões de higiene de forma inusitada. O Jamban Café serve as refeições em pratos com formato de vasos sanitários. Aqueles clientes que têm objeções a uma sopa com almôndegas servida em uma "privada" pode usar sacos de vômitos, colocados à disposição. De acordo com a AFP, existem no mundo outros restaurantes parecidos, como no Taiwan e na Rússia, mas o café se distingue por tentar ensinar seus clientes quanto aos benefícios da higiene pública e a necessidade de utilizar banheiros. "Este café nos lembra que muitas pessoas na Indonésia continuam sem ter banheiros", disse Budi Laksono, proprietário do restaurante e ex-funcionário das autoridades locais como especialista em saúde.

sábado, 23 de julho de 2016

Mundo vai acabar no dia 29 de julho, prevê teoria apocalíptica

Mundo vai acabar no dia 29 de julho, prevê teoria apocalíptica
Foto: Hebus.org
O mundo acaba daqui a nove dias, em 29 de julho. É o que prevê mais uma teoria apocalíptica que tem circulado na internet nos últimos dias. A previsão foi feita pelo grupo “Profecias do Fim do Tempo”, que anteriormente havia previsto a colisão de um asteroide com a Terra e, consequentemente o fim do planeta, para o dia 6 de maio deste ano, algo que não ocorreu. Em vídeo divulgado no YouTube, o grupo afirma que o fim do mundo será causado por várias catástrofes desencadeadas pela inversão dos polos magnéticos da Terra. "O flip polar vai criar um vácuo e as oscilações da Terra vão puxar a atmosfera para baixo", afirma trecho do vídeo. Com isso, em um cenário que mais parece roteiro de filme hollywoodiano, o grupo descreve que um grande terremoto será sentido em todo o mundo, derrubando montanhas, por exemplo. Entretanto, de acordo com o site Arquivo Ufo, que publicou inicialmente a informação, a teoria não possui embasamento científico.

Casal baiano festeja chegada do 13º filho; todos os nomes começam com a letra R

Já pensou em ter 13 filhos, todos do mesmo sexo e batiza-los com a mesma letra? O fato curioso vem da cidade de Conceição do Coité, a cerca de 200 km de Salvador. Um casal que reside na zona rual do município é conhecido por ter 13 filhos homens com os nomes iniciados pela letra "R". O último nasceu no dia 1° de julho e ainda não tem nome, no entanto, o pai pretende seguir a mesma inspiração que teve ao registrar os outros filhos.
 
De acordo com Ireneu Cruz de Jesus, pai dos garotos, ele tem uma lista com 28 nomes, todos começando com "R", e tem como referências ex-jogadores da Seleção Brasileira.
 
Os meninos são conhecidos como a "seleção dos erres". Robson, Reinan, Rauan, Rubem, Rivaldo, Ruan, Ramon, Rincon, Riquelme, Ramires, Railson e Rafael. Robson, o mais velho, completou 18 anos no mesmo dia em que o irmão mais novo nasceu. As informações são do site Calila Notícias.

sexta-feira, 22 de julho de 2016

Quase metade do eleitorado baiano não tem ensino médio completo

Dos 10.185.417 eleitores aptos a votar no estado da Bahia quase a metade não concluiu o ensino médio. Conforme apuração do Bocão News, baseado nos dados do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), 3.084.691 não têm ensino fundamental completo e 1.821.441 não possui ensino médio, ou seja, 4.906.132 sequer concluíram os estudos do primeiro grau. 
 
O número representa 48,16% do eleitorado da Bahia. Se tratando de nível superior o percentual é muito menor. 2,28% possui ensino superior completo, o equivalente a 233.132 eleitores. 
 
Analisando outra estado do Nordeste, como Pernambuco, o cenário não é diferente. O número de eleitores é menor que o da Bahia, são 6.512.353, é o 7º colégio eleitoral do país. Já a Bahia é o 4º, perdendo apenas para São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro, respectivamente. 
 
Em Pernambuco, 1.782.893 não têm ensino fundamental completo e 954.376 não concluíram o ensino médio, totalizando 2.737.269, é metade do número baiano, porém em percentual, o cenário não muda muito. 42,3% dos eleitores de Pernambuco não concluíram os estudos.
 
Já o Rio de Janeiro, é o terceiro maior colégio eleitoral, com 12.141.145, conforme Tribunal Superior Eleitoral (TSE), dos quais 3.539.553 não têm ensino fundamental completo e 2.621.494 não concluíram o ensino médio. O que significa dizer que 50,1% do eleitorado fluminense não concluíram os estudos. Em relação a quem tem ensino superior, 6,4% terminaram a faculdade. São Paulo é o primeiro colégio eleitoral do país, com 15.224.151 eleitores. 28,3% não tem ensino fundamental e 22,5% não tem ensino médio completo.

quinta-feira, 21 de julho de 2016

Agosto vem aí, e dia 20 tem regata, adquira logo sua camisa com preços promocionais, na "Aventureiros do Mar"



Em 2016 será o primeiro ano da regata " Aventureiros no Mar" com musicas mecânicas na ida e boate no retorno, Paulinha e Nairam organizadoras do evento garante animação para os participantes, com bebida free e chegando na Barra do Paraguaçu uma big feijoada, tudo isso com um precinho promocional de R$ 120,00 individual e R$ 200,00 casadinha, aproveite e garanta sua camisa.





Contatos: 075 9 9918-6311 Paulinha
                075  9 9707-7905  Nairam
075 9 9937-0178   Ricardo




O Jovem Eduardo Souza se destaca na politica Maragojipana


O menino não para! Desta vez nosso líder Eduardo Souza esteve em Coqueiros e confirmou a presença do distrito em um campeonato de futsal organizado pela nossa equipe, e ainda doou matérias esportivos para a galera.
O trabalho não para, nosso líder esteve no distrito de Coqueiros e se reuniu com jovens da comunidade local, aproveitou o momento ensejo para confirmar a presença do distrito em um campeonato de futsal organizado por sua equipe esportiva, também doou matérias esportivos para que os jovens possam ter uma estrutura mais qualificada no que diz respeito a prática esportiva, ajudando livrar os mesmos da ociosidade dos males sócias, ao longo da reunião Eduardo enfatizou "enquanto eles brigam para ter liderança da juventude, eu trabalho e represento a juventude, não entrarei em um conflito interno até porque a própria juventude decidirá conscientemente quem é o seu líder, e eles sabem quem sempre fez,vem fazendo e fará muito, para o crescimento da classe", os jovens reagiram positivamente "Eduardo você nos representa, eles podem ter tudo, mais não possuem a simplicidade e carisma que você carrega consigo", nosso líder agradeceu,despediu - se com um abraço em cada jovem presente e afirmou "vocês me emocionam, lutarei com todas as minhas forças para fazer o melhor por todos vocês, enquanto eu respirar não haverá espaço para preguiça, será trabalho, trabalho e mais trabalho!" 
Esse menino ainda vai surpreender muita gente!

Deixa o menino trabalhar...Eu quero ver quem já fez o que esse menino tá fazendo, tá trabalhando pelos nossos jovens e a sociedade crescendo!
Eduardo Souza uma das esperanças para o futuro de Maragojipe

Temer se reúne com representantes da Maçonaria no Palácio do Planalto

 Temer se reúne com representantes da Maçonaria no Palácio do Planalto
Foto: Divulgação/ GLEB
O presidente interino Michel Temer (PMDB) e representantes da Confederação da Maçonaria Simbólica do Brasil (CMSB) se reuniram na terça-feira (19), no Palácio do Planalto. Ao O Globo, o senador Valdir Raupp (PMDB-RO), articulador do encontro, disse que Temer ficou com boas perspectivas. Já os representantes da CMSB teriam dito que esta foi a primeira vez que um presidente os recebeu de forma institucional e organizada. A Bahia esteve representada pelo Grão-Mestre da Grande Loja Maçônica do Estado da Bahia, Jair Tércio, que destacou a receptividade do presidente interino à Carta de Maceió, documento produzido no encontro da CMSB realizado no começo de julho na capital alagoana. "Dissemos a ele que todos nós éramos testemunhas de que os números da economia já demonstravam o quanto deveríamos ser inteligentes o bastante, a ponto fazer com que, por exemplo, a ordem e progresso, de nossa nação, nao perdessem a estabilidade, para que pudesse ser bem governada; dissemos também que o comércio devesse estar sempre sendo inteligentemente aquecido, a ponto de poder reagir conforme exigido pelas demandas sociais; e que e a indústria devesse estar sendo cada vez mais e melhor monitorada, a ponto de não carecer de futuras recuperações drásticas", relata Tércio. Foi entregue ainda o material do Projeto de Iniciativa Popular “Corrupção Nunca Mais!” e o presidente interino, em seu pronunciamento, afirmou que a Maçonaria além das manifestações de apoio que vem realizando, apresenta uma grande contribuição ao País, através de uma “ação concreta e objetiva”, que é o Projeto de Iniciativa Popular contra a corrupção. Outro ponto da “Carta de Maceió” é a preocupação nacional com a urgência da efetivação das inciativas para as reformas política, tributária, trabalhista e previdenciária, entre outras medidas para as áreas da educação, saúde, segurança e inclusão social, que as vozes das ruas não cansam de clamar. "Precisamos ter, em grau cada vez mais significativo, percepção e sensibilidade, para antever possíveis crises; bem como inteligência e determinação de ação, para, senão extinguir tais crises, pelo menos contê-las e/ou minimiza-las, de maneira equilibrada, para que nosso povo não sofra mais; aliada a uma visão de mundo, que nos permitisse agir em prol de nós, parte, mas sem perder a visâo de Todo; porquanto, vivemos num mundo já deveras globalizado", completou o Grão-Mestre da Grande Loja da Bahia, que foi cumprimentado pessoalmente por Temer e pediu o presidente interino sentisse o "amor do povo baiano" colocando a mão sobre o peito.
Fonte: Bahia Noticias

Ex-marqueteiro do PT e mulher assinam acordo para iniciar delação


O ex-marqueteiro do PT João Santana e sua mulher e sócia, a empresária Mônica Moura, assinaram termo de confidencialidade com a Procuradoria-Geral da República (PGR), documento que marca o início do processo formal de colaboração premiada. Presos em Curitiba há cinco meses, dessa vez o casal tenta fechar uma delação em dupla — no início de abril Mônica tentou acordo individual, mas os termos não foram aceitos pelos procuradores.
 
Desde 15 de junho deste ano o casal está preso na carceragem da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. Antes, ele estava detido no Complexo Médico Penal, na Região Metropolitana de Curitiba, e ela, em um presídio feminino. A transferência, realizada há mais de um mês, ocorreu a pedido dos advogados da dupla e com a anuência do Ministério Público, para facilitar as conversas com seus defensores. O acordo ainda está em fase de negociação, o que significa que os dois ainda não prestaram qualquer depoimento aos procuradores.
 
O termo de confidencialidade é uma espécie de pré-delação e antecede a assinatura do acordo com a Justiça. Nesta quinta-feira, os dois estarão pela primeira vez de frente com o juiz da 13ª Vara da Justiça Federal em Curitiba, Sérgio Moro, que determinou a prisão do casal.
 
Eles serão interrogados na ação penal em que respondem por corrupção passiva e lavagem de dinheiro em função do recebimento de US$ 4,5 milhões (R$ 14,6 milhões) em 2013 e 2014 do representante no Brasil do estaleiro Keppel Fels e fornecedor da Petrobras, o engenheiro Zwi Skornick, como contribuição para ajudar a financiar a campanha pela reeleição da presidente afastada, Dilma Rousseff. O pagamento foi feito diretamente em uma conta do ex-marqueteiro João Santana na Suíça, e não declarado à Justiça Federal. Em colaboração assinada com o Ministério Público e ainda não homologada pela Justiça, Zwi Skornick confirmou se tratar de pagamento relacionado aos contratos da empresa no Brasil e a pedido do ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto.
 
No único depoimento formal prestado até agora sobre o assunto, Mônica alegou que os pagamentos estavam relacionados a contratos do estaleiro Keppel em Angola, país onde o casal Santana também prestou serviços. Como se trata de interrogatório a respeito de um caso específico, o casal poderá apresentar esclarecimentos a Moro e também pedir para ficar em silêncio se alguma pergunta estiver relacionada a tema do acordo em negociação.
 
Em tentativa frustrada de fechar colaboração com o MPF em abril deste ano, Mônica admitiu ter arrecadado R$ 10 milhões para a campanha de Dilma de 2014, pagos a ela e a João Santana fora da contabilidade oficial. Na ocasião, ela afirmou ter havido caixa 2 nas campanhas pela eleição de Dilma (2010), e pela reeleição de Lula (2006), além das campanhas municipais de Fernando Haddad (2012), Marta Suplicy (2008) e Gleisi Hoffmann (2008).
 
Segundo Mônica, os pagamentos no caixa 2 de 2014 teriam sido intermediados pelos ex-ministros da Fazenda Guido Mantega e Antonio Palocci, além de Vaccari. O trio teria indicado executivos que deveriam ser procurados para ela e João Santana receberem as contribuições. ilegais. Os três citados e a campanha de Dilma negaram a acusação da antiga aliada.
 
Na tentativa de delação de abril, Moura também disse que o grupo J&F, controlador das marcas Friboi e da JBS, contribuiu com caixa 2 para a campanha de Dilma pagando diretamente uma dívida com a gráfica Focal Confecção e Comunicação Visual, de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista. Na época, o grupo J&F negou ter realizado o pagamento. Nas conversas com a PGR, Moura relatou, ainda, que o empresário Eike Batista fez pagamentos na conta dela e de João Santana no exterior, vinculados a campanhas políticas realizadas pelo casal.
 
Na carceragem da PF em Curitiba, a rotina do casal inclui conversas quase diárias com seus advogados, que negociam com os procuradores o acordo de delação. Os dois estão em celas separadas, embora estejam lado a lado — Mônica está sozinha na cela 3, e Santana divide espaço com duas pessoas: Marcelo Odebrecht, ex-presidente e herdeiro do grupo de mesmo nome, e um traficante de drogas que está preso em Curitiba desde dezembro do ano passado. Na quarta-feira, advogados de Santana não retornaram os contatos do GLOBO.
 
Assim como o casal Santana, Odebrecht também tenta fechar um acordo de delação. Embora a negociação se estenda há mais tempo e esteja mais adiantada, é considerada a mais complexa da Lava-Jato. A negociação da multa a ser paga pela empresa em acordo de leniência começou a ser discutida em torno de R$ 12 bilhões e estaria perto de R$ 6 bilhões.
 
Nas tratativas com a PGR, Marcelo Odebrecht é orientado a informar cada pagamento irregular realizado pela empresa, incluindo intermediários, beneficiários finais e respectivo benefício ou contrato obtido pela empresa em função da propina paga. Os advogados exigem cláusula que garante soltura imediata do executivo depois de homologação do acordo — os procuradores resistem a aceitar.
Fonte: Bocão News

Mais uma da série acorda Maragojipe por Jerry Santana ex vereador

O ex vereador e fotografo Jerry Santana vem mostrando através de suas lentes muitas coisas, dentre elas as obras de Maragojipe parada, desta vez é a creche de Nagé, onde pode ser vista na foto abaixo:


MAIS UMA REFORMA PARADA !
ESSA REFORMA TEM MAIS DE 6 (SEIS) MESES PARADA.
O POVO DE NAGÉ QUER SABER: 
CADÊ O DINHEIRO???
DIGA NÃO A REELEIÇÃO!!!
Jerry Santana

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Presidente da Câmara diz que vai descontar salários de deputados que faltarem a sessões

Presidente da Câmara diz que vai descontar salários de deputados que faltarem a sessões
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta quarta-feira (20) que vai descontar salários de parlamentares faltosos às sessões do segundo semestre. Adotada por Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a medida havia sido abolida no mandato do presidente interino Waldir Maranhão (PP-MA), que voltou ao cargo de primeiro vice-presidente após a eleição de Maia. "Pauta marcada, deputado tem que estar presente. Em qualquer trabalho é assim. Se você marcou uma data para exercer, para que eles estejam aqui para votar, é importante que todos votem", disse o novo presidente da Casa. A intenção do democrata é manter os plenários cheios durante as sessões, que devem ser realizadas três vezes por semana em agosto, de segunda, dia em que tradicionalmente os deputados ainda estão em seus estados, até quarta. Por enquanto, Maia desenha como será seu primeiro mês na presidência. Nesta quarta, ele deve conversar com líderes da oposição para alinhar os pontos. Um deles é votação de medidas provisórias que aguardam votação, além do projeto de renegociação da dívida dos estados.
Fonte: Bahia Noticias

Vereadores Neto do PT e Didi PSB pedem solução e esclarecimentoS sobre a atual situação da escola Plínio Guedes

Reforma e ampliação que era para ter sido concluída ontem, onde pode ser visto na placa acima. 

O vereador Neto do PT apoiou a manifestação dos estudantes hoje 20/07 pelas ruas de Maragojipe, como também encaminhou um oficio para o secretário de Educação de Esporte e Lazer Sr. Adilton Ferreira cobrando solução e e esclarecimento, vejam o documento abaixo:


Neto do PT


Maragogipe, 20 de Julho de 2016.
Oficio: -2016
-
Ac: Secretario de Educação de Esporte e Lazer
Sr. Adilton Ferreira.
-
Venho através deste oficio junto aos alunos da Escola Municipal de Referencia Plínio Pereira Guedes solicitar ao órgão competente da Prefeitura Municipal de Maragogipe, uma solução imediata e esclarecimentos a população, sobre as obras que estão sendo realizadas na escola, e que se arrastam há meses e já entram pelo segundo semestre do ano letivo, causando transtornos e perdas aos referidos alunos. Ao tempo que pedimos também uma atenção especial a solicitação dos estudantes em relação ao uso da quadra poliesportiva Jose Antonio Jesus Brito para a pratica da atividade de Ed. Física, como já foi levado ao conhecimento do Senhor Secretario anteriormente pelos próprios alunos.
-
Sem mais, Contamos com a agilidade e solução das demandas.
Cordialmente,
-
_______________________________________
Eustilio de Carvalho Neto

Vereador




O vereador Edinaldo da Conceição escreveu em rede social:
Mais uma vez estudantes foram às ruas da cidade, reivindicar seus direitos de cidadão, indo até a Câmara Municipal de Maragojipe, casa da cidadania, procurar o apoio deste Vereador que vos fala. Desta vez o descaso, entre outros, é com os problemas na estrutura física da Escola Municipal de Referência Plínio Pereira Guedes, no qual o prédio não oferece condições dignas para os alunos. Assim como aproveitam o ensejo para reclamarem do horário em que saem os ônibus escolares, que antecede o horário de término diário das aulas, fazendo com que os mesmos saiam da escola antes do horário correto. Um abaixo assinado e relatório com as reivindicações já foram entregues no Ministério Publico, no qual aguardamos providências. Segue abaixo relatório com as reivindicações trazidas pelos estudantes:

Limites de gastos para Eleições 2016 em Maragojipe podem ser consultados no site do TSE


Em Maragojipe segundo a atualização do T.S.E tem 33.480 eleitores apto para votar nas eleições de Outubro 2016, sobre o limite de gastos, os candidatos a prefeito só poderão gastar até R$ 266.868,42, já os candidatos a vereador terá o limite de R$ 10.803,91, portanto você que está disputando os poderes executivos e legislativos, fiquem atentos para as novas regras.
Tabela os limites referente a Maragojipe, click na imagem para ampliar


Já está disponível no Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o detalhamento dos limites de gastos para os cargos de vereador e prefeito nas eleições municipais deste ano. As tabelas com os valores por município estão anexadas na Resolução n° 23.459, situada no link “normas e documentações” das Eleições 2016.
A partir de agora, com as alterações promovidas pela Reforma Eleitoral 2015 (Lei nº 13.165), o teto máximo das despesas dos candidatos será definido com base nos maiores gastos declarados na circunscrição eleitoral anterior, no caso as eleições de 2012.
De acordo com a norma, no primeiro turno do pleito para prefeito o limite será de 70% do maior gasto declarado para o cargo em 2012. No entanto, se a última eleição tiver sido decidida em dois turnos, o limite de gasto será 50% do maior gasto declarado para o cargo no pleito anterior.
Nas cidades onde houver segundo turno em 2016, a lei prevê que haverá um acréscimo de 30% a partir do valor definido para o primeiro turno.
No caso das campanhas eleitorais dos candidatos às eleições para vereador, o limite de gastos também será de 70% do maior valor declarado na última eleição.
A norma diz ainda que nos municípios com até 10 mil eleitores, o limite de gastos será de R$ 100.000,00 para prefeito e de R$ 10.000,00 para vereador. Neste caso, será considerado o número de eleitores existentes no município na data do fechamento do cadastro eleitoral.
Os limites previstos também serão aplicáveis aos municípios com mais de 10 mil eleitores sempre que o cálculo realizado do maior gasto declarado resultar em valor inferior ao patamar previsto para cada cargo.
Atualização
Os valores constantes nos anexos serão atualizados monetariamente de acordo com a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), ou por índice que o substituir.
O cálculo será feito tendo como base o período de outubro de 2012 a junho de 2016. Os valores corrigidos serão divulgados por ato editado pelo presidente do TSE, cuja publicação deverá ocorrer até o dia 20 de julho do ano da eleição.
O TSE manterá a divulgação dos valores atualizados relativos aos gastos de campanha eleitoral na sua página na Internet, para efeito de consulta dos interessados.
Novos Municípios
O limite de gastos para os municípios criados após a eleição de 2012 será calculado conforme o limite de gastos previsto para o município-mãe, procedendo-se ao rateio de tal valor entre o município-mãe e o novo município de acordo com o número de eleitores transferidos, observando, quando for o caso, os valores mínimos previstos  na legislação.
Fonte: TSE

Alunos do Plínio Guedes, protestam pelas ruas de Maragojipe, e pedem condições para estudar



Os alunos e mãe de alunos da ESCOLA MUNICIPAL DE REFERÊNCIA PLÍNIO PEREIRA GUEDES, foram as ruas de Maragojipe, como forma de protesto contra a imperícia da gestão municipal da Prefeita Vera Lúcia, no que se refere ao atraso nas obras do referido colégio.


Em passeata pelas ruas de Maragojipe,  foram até a Câmara Municipal, cobrar providências, bem como formaram uma comissão e foram até ao MP exigir que as reivindicações sejam atendidas.


Formada a comissão entre mãe e alunos, a Promotora de Justiça de Maragojipe, Drª Neide Reimão Reis, deliberou que irá visitar as dependências do aludido colégio e posteriormente adotará providências quanto ao caso.


Durante as manifestação, gritos de guerra contra a prefeita Vera foram entoados, ALUNOS NA RUA PREFEITA A CULPA É SUA, mostrando toda indignação por parte dos DISCENTES.

Extraído do Blog do Juraci Rebouças.


Vejam outros fotos tiradas por Juraci Rebouças abaixo clicando em mais informações:

Internauta Everaldo Lins faz uma pergunta a prefeita de Maragojipe em sua rede social

O internauta Everaldo Lins, lançou em sua rede social uma pergunta para a atual gestora em relação a obra da Escola Plínio Guedes, vejam abaixo:

Só pra lembrar esta obra que esta parada na escola Plínio Pereira Guedes que custou quase 1.300,000.00 era pra ser entregue ontem (19).
Prefeita quando está escola vai ser inaugurada??
PERGUNTAR NÃO OFENDE!! 
Everaldo Lins 
Com a palavra a prefeitura.

Tal pai, tal filho: deputados tentam emplacar filhos como vereadores de Salvador

A política como herança nunca deixou de constar fora dos testamentos de muitos políticos e a história sempre nos mostra isso. Com a proximidade das eleições deste ano, os postulantes para a vereança de Salvador terão filhos de figurões conhecidos na Assembleia Legislativa e na Câmara Federal que tentam consolidar a continuidade na linhagem no ramo do espaço público.

Duda e Alan Sanches
Na atual legislatura da Câmara de Salvador já existem nomes que assumiram cadeiras encaminhadas com esse tipo de histórico. O vereador Duda Sanches (DEM), pré-candidato a reeleição, é filho do deputado estadual Alan Sanches (DEM) – que também foi ex-vereador e ex-presidente da Câmara. Heber Santana (PSC), também pré-candidato a reeleição, é filho do ex-suplente do senador João Durval (PDT), ex-vereador e ex-deputado, Eliel Santana.

Kiki e Everaldo Bispo
O edil Kiki Bispo (PTB) também foi herdeiro político do seu pai, ex-vereador Everaldo Bispo e o ex-deputado J. Carlos (SD) conseguiu eleger o seu filho, J. Carlos Filho (SD) que também é pré-candidato a reeleição.
Outro que cumpriu mandato tampão, mas deve concorrer no pleito deste ano é Paulo Magalhães Jr (PV), filho do deputado federal Paulo Magalhães (PSD).

Antônio e Edvaldo Brito
Já com os Brito a situação é inversa no sentido da ordem da herança das casas. O vereador Edvaldo Brito (PTB), que também é pré-candidato a reeleição, é pai do deputado federal Antônio Brito (PTB). No caso da vereadora Cátia Rodrigues (PHS), a herança foi de marido para esposa: ela é casada com o deputado federal Pastor Luciano (DEM).
Dos novatos que agora se lançam a vida pública e que almejam sentar em uma das 43 cadeiras da CMS são Débora Ubaldino, filha do deputado Carlos Ubaldino (PSD); Randerson Leal (PDT), filho do deputado Roberto Carlos (PDT) e Igor Manassés (PSL), herdeiro do deputado Manassés (PSL).

Aleluia pai e Aleluia filho
 
Os deputados federais também seguem a linha dos estaduais: está em curso a pré-candidatura de Taíssa Gama, filha do deputado Benito Gama (PTB) e Alexandre Aleluia (DEM), filho de José Carlos Aleluia (DEM).
Os irmãos também tentam sucesso no pleito e crescer o nicho da família no campo político. Dois exemplos surgem da Assembleia Legislativa quando o deputado Marcell Moraes (PV) está de corpo e alma na pré-candidatura de sua irmã, Marcele Moraes (PV) e o deputado David Rios (PMDB) com a do seu irmão Daniel Rios, que já foi funcionário da CMS como secretário da mesa.

ACM avô e ACM neto
PALÁCIO THOMÉ DE SOUZA - Em uma análise com vistas na majoritária, o prefeito ACM Neto (DEM), apesar de ter sua luz própria, é fruto deste tipo de herança. Até o seu próprio nome não deixa esquecer o contexto. Foi deputado federal por três mandatos e contou com clara ajuda do avô, o senador Antônio Carlos Magalhães (DEM), principalmente nos quatro primeiros anos de legislatura. 
Fonte: Bocão News

Ex-diretor da Sete Brasil confirma que dividia propina com PT e Duque

Em depoimento prestado nesta terça-feira (19), ao juiz federal Sergio Moro, o ex-diretor presidente da Sete Brasil, João Carlos Ferraz, réu e delator na Operação Lava Jato, confirmou que dividia propina cobrada de estaleiros contratados pela empresa com o ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, com o ex-diretor da Petrobras, Renato Duque, e também com ex-diretores da Sete, Pedro Barusco e Eduardo Musa.
 
Ele explicou que a propina correspondia a 0,% dos contratos milionários firmados pela Sete com estaleiros, como Jurong, Keppel Fels e Atlântico Sul. Dois terços do dinheiro era para o PT, pago via Vaccari. O restante era dividido entre o que eles chamavam de "Casa 1", composta pela diretoria da Petrobras, via Duque, e "Casa 2", ele Barusco e Musa.
 
O ex-presidente da Sete Brasil disse que todos os estaleiros contratados para construir navios-sonda pagavam uma propina de 0,9% do valor do contrato. “Dois terços eram destinados ao Partido dos Trabalhadores (PT), na pessoa de João Vaccari Neto [ex-tesoureiro do partido], e o restante era dividido em duas partes iguais. Uma parte era destinada a pessoas da Petrobras e a outra, para executivos da Sete Brasil”, explicou Ferraz.
 
O réu afirmou não saber os nomes de todos os executivos da Petrobras que recebiam as propinas. “Certamente, o [ex-diretor de Serviços] Renato Duque, que o Barusco me falou. Outras pessoas, eu não tenho certeza; apenas tive conhecimento através dos inquéritos”. Os executivos da Sete Brasil que recebiam comissões, segundo o depoimento, eram Ferraz, Barusco e o ex-gerente da área internacional da Petrobras, Eduardo Musa".
 
João Carlos Ferraz disse que recebeu entre US$ 1 milhão e US$ 2 milhões em propinas, que foram pagas através de uma conta no banco Kramer, na Suíça. A conta teria sido aberta em 2011, em nome de uma offshore chamada Firazza. Segundo Ferraz, o valor recebido é apenas uma parte das comissões devidas pelos estaleiros, já que os pagamentos seriam feitos ao longo dos contratos — que tinham entre 10 e 15 anos de duração.
 
O ex-presidente da Sete Brasil disse que foi apresentado a João Vaccari Neto por Pedro Barusco e Renato Duque, durante um jantar em São Paulo. “Eles falaram que tinham o desejo de aumentar ainda mais essas comissões, de modo que não apenas os estaleiros (...) pagassem, mas também os operadores de sondas”, relatou. Ferraz disse que foi contra a ideia naquele momento, mas que não ficou sabendo dos desdobramentos do assunto.
 
 
Com informações da Agência Brasil

Enquetes referentes às Eleições 2016 estão proibidas a partir de quarta-feira (20)

A partir desta quarta-feira (20) está proibida a realização de enquetes relacionadas ao processo eleitoral das Eleições 2016. Nesse aspecto, é importante destacar a diferença entre enquete e pesquisas eleitorais, uma vez que estas podem ser divulgadas até o próprio dia da eleição.

Conforme a definição, enquete é a simples coleta de opiniões de eleitores sem nenhum controle de amostra e sem a utilização de método científico para sua realização. Esse tipo de consulta depende apenas da participação espontânea do interessado.

Já a pesquisa eleitoral requer dados estatísticos realizados junto a uma parcela da população de eleitores, com o objetivo de comparar a preferência e a intenção de voto a respeito dos candidatos que disputam determinada eleição.

Portanto, a divulgação de enquetes e sondagens em desacordo com as regras previstas na legislação é considerada um ilícito que pode ser punido com o pagamento de multa que varia de R$ 53 a R$ 106 mil. A multa está prevista no parágrafo 3º do artigo 33 da Lei nº 9.504/97 (Lei das Eleições).

Até 2013 a legislação permitia a divulgação de enquetes nesse período. Desde então, a Lei das Eleições foi modificada e passou a proibir esse tipo de consulta informal.

Fonte: TSE pelo Blog do Zevaldo

Guns N' Roses fará cinco shows no Brasil; Salvador está de fora da turnê


A produtora Mercury Concerts confirmou, a turnê do Guns N' Roses no Brasil em novembro. A data de início das vendas e os valores dos ingressos ainda não foram informados. Em solo brasileiro, a banda fará cinco shows: no Estádio do Beira Rio, em Porto Alegre – RS, no dia 8; em São Paulo - SP, no Allianz Parque, no dia 11; no dia 15, na Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba – PR; no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro – RJ, no dia 18; e em Brasília, no Estádio Nacional, no dia 20. Mais uma vez a capital baiana ficou de fora e não vai receber uma turnê internacional.

Seminário orienta profissionais e candidatos sobre prestação de contas nas eleições 2016

Seminário orienta profissionais e candidatos sobre prestação de contas nas eleições 2016
Foto: Asics/TSE

O Conselho Regional de Contabilidade do Estado Bahia - CRCBA promove o Seminário Prestação de Contas Eleitorais 2016, no dia 22 de julho, no Instituto Anísio Teixeira, em Salvador. O encontro será transmitido em circuito de videoconferência para 25 municípios do interior baiano. A ideia é orientar os profissionais da área de contabilidade, candidatos e interessados sobre as leis de financiamento e de prestação de contas das campanhas políticas (9.504/97 e 13.165/2015). As inscrições podem ser feitas no site do evento (acesse aqui) mediante doação de duas latas de leite em pó, como forma de taxa solidária direcionada a instituições de caridade. 

terça-feira, 19 de julho de 2016

Filarmônica Terpsícore Popular é homenageado por Dr. Paulo Vicente Guerreiro Peixoto


Quero fazer mais uma homenagem a nossa Filarmônica TERPSÍCORE POPULAR DE MARAGOGIPE e àqueles que contribuíram e contribuem para que a mesma continue sendo um dos maiores celeiros musicais e formadores de jovens e homens de caráter de Maragogipe e do Brasil, compartilhando algumas fotos de sua história vitoriosa.



Certamente os mais antigos vão matar a saudade de grandes músicos e diretores que contribuíram para que a nossa querida Filarmônica Terpsícore seja o que é hoje, ostentando os títulos de Tri Campeã do Estado da Bahia e Tetra Campeã do Festival de Filarmônica do recôncavo Baiano realizado recentemente na Cidade de São Felix-Bahia.

Devo, ainda, falando do passado, citar que a Terpsícore teve como um dos seus maiores compositores, o Grande Maestro Heraclio Paraguassú Guerreiro, e, hoje, falando do presente, é bem presidida pelo abnegado Roque Sales, nosso "Quinho" e regida pelo competente Maestro Roque Adson, que não medem esforços, lutando com dificuldades, juntamente com os, também, abnegados músicos, para levar e honrar o nome de nossa terra por todos os lugares em que se apresentam.
Salve a TERPSÍCORE orgulho de Maragogipe.
Paulo Vicente Guerreiro Peixoto


Terreno em frente aos correios em Maragojipe pode ter foco de doenças, denuncia Jerry Santana

 Segundo o ex-vereador e fotografo Jerry Santana, um terreno baldio na Enseada que fica em frente aos correios, está servindo de foco gerador de doenças transmitida por mosquitos e ratos, com a palavra a secretaria de saúde.







MORADORES DA ENSEADA E ENSEADINHA, PEDEM SOCORRO!!!
TERRENO QUE FICA EM FRENTE AO CORREIOS.

Jerry Santana

Prefeito de Candeias é afastado pela Justiça


O atual prefeito da cidade de Candeias, localizada a 33 km de Salvador, Sargento Franscisco, foi acusado pelo Ministério Público Federal na Bahia (MPF-BA) de improbidade administrativa, e está afastado do cargo por 180 dias. 
O prefeito foi incriminado por fraude em reformas de unidade de saúde. Em junho deste ano, o MPF-BA autuou o prefeito, secretários e diretores por suspeição de superfaturamento, atraso e paralisação de seis unidades básicas de saúde. Francisco era Presidente da Câmara de Vereadores à época do afastamento da ex-prefeita Maria Maia, e assumiu a Prefeitura de Candeias, sendo reeleito em 2012.
Com o afastamento de Sargento Francisco, o vice-prefeito, Bom Jorge, assume o comando o comando da cidade até o próximo prefeito eleito assumir, em 2017.

STF derruba bloqueio do WhatsApp

O Supremo Tribunal Federal (STF) derrubou, no final da tarde desta terça-feira (19), a decisão que bloqueou o WhatsApp em todo Brasil. 
 
Na decisão, o ministro Ricardo Lewandowski analisou ação impetrada pelo PPS (Partido Popular Socialista), que recorreu ao Supremo para que fosse suspensa imediatamente a ordem judicial da  2ª Vara Criminal da Comarca de Duque de Caxias, do Rio de Janeiro.
 
Para o presidente do Supremo, o bloqueio foi uma medida desproporcional porque o WhatsApp é usado de forma abrangente, inclusive para intimações judiciais, e fere a segurança jurídica.

Justiça do Rio manda bloquear WhatsApp em todo país


A Justiça do Rio de Janeiro decidiu que o WhatsApp seja bloqueado em todo o Brasil, de acordo com informações divulgadas pela reportagem da GloboNews nesta terça-feira (19).
 
As empresas de telefonia foram notificadas após o Facebook se recusar a cumprir uma decisão judicial para fornecer informações para uma investigação policial.
 
O aplicativo não teria cumprido uma decisão judicial de quebra de sigilo de conversa de pessoas que estão sendo investigadas, suspeitas de cometer crimes.
 
A decisão é da juíza Daniela Barbosa, do Rio de Janeiro. Essa é a terceira vez que o aplicativo será bloqueado em todo o país, por não bloquear informações para investigação.
 
As operadoras de telefonia foram notificadas da decisão por volta das 11h30 e precisam suspender imediatamente a utilização do serviço.
 
A juíza ainda determinou uma multa de R$ 50 mil por dia até o cumprimento desta ordem judicial. A juíza afirma que o Facebook, empresa que detém o WhatsApp, foi notificado três vezes desta decisão para que fizesse interceptação de mensagens durante uma investigação que está sob sigilo, em andamento em Caxias, na Baixada Fluminense.
 
O Facebook se limitou a responder, segundo a juíza, numa resposta em inglês, dizendo que não arquiva e não copia mensagens compartilhadas entre os usuários.